A "Carta aos Amigos do Mundo" sai três vezes por ano, em 4 línguas : inglês, espanhol, francês e português. Poderão ler mais abaixo a apresentação da mesma se desejam saber mais alguma coisa sobre ela...

Valeremos nós, neste nosso mundo, alguma coisa para os outros ?

“Há muito quem fale dos nossos problemas, há muito quem pense que somos um problema, que temos problemas...Mas não é assim que nós nos vemos... Não são os problemas que nos caraterizam. O que nos carateriza são as perguntas que fazemos. E a nossa primeira pergunta é esta : seremos nós alguém neste nosso mundo para os outros? Será que as... Ler mais
Traduzido em:

Cada criança é uma nova oportunidade para o mundo

Os pais que vivem todos os dias em condições de exclusão e de grande pobreza sonham com um mundo onde cada pessoa tenha um lugar ao sol. Para que haja um futuro para além do sofrimento e das constantes carências, eles centram todas as suas energias na educação dos filhos e fazem tudo o que podem para eles não abandonarem os estudos. No entanto,... Ler mais
Traduzido em:

Carta aos Amigos do Mundo - especial para o 17 de Outubro

Caros Amigos, É com o maior prazer que vos apresentamos uma nova Carta aos Amigos do Mundo, feita especialmente para o 17 de Outubro. Ela é constituída por um cartaz e por uma série de textos tirados de testemunhos deixados no site mundosemmiseria.org. Podemos assim partilhar publicamente o nosso empenho e as nossas convicções. Falem-nos dos... Ler mais
Traduzido em:

E agora, que vamos fazer ?

O trabalho empreendido pelo Movimento ATD Quarto Mundo em cinco continentes para avaliar o impacto dos Objetivos do Milénio veio confirmar que as “medidas políticas de luta contra a pobreza, pensadas sem a participação dos pobres, só muito raramente chegam até eles e até muitas vezes se voltam contra eles.” Sabemos com efeito... Ler mais
Traduzido em:

“Não abandonemos ninguém”

As famílias dizimadas pelo furacão Haïyan, que buscam angustiadamente os desaparecidos e que se entreajudam para continuarem de pé, fazem-nos pensar em todos aqueles cujas vidas vão sendo constantemente destruídas e que enfrentam a adversidade com coragem. Recentemente, estive na região parisiense com famílias que vivem numa preocupação... Ler mais
Traduzido em: