Tudo é possível graças à solidariedade e à união
tanzanie2.jpg

Na Tanzânia, um amigo de ATD Quarto Mundo resolveu fazer uma nova experiência de vida. Depois de ter saídoda sua aldeia para ir para a capital, Reuben M. começou por trabalhar duramente como operário não qualificado, muito mal pago ; mas, a certa altura, inventou uma máquina de jogo de lotaria e conseguiu escapar à sua condição.

Embora a máquina de lotaria lhe tivesse trazido muito dinheiro, ele achou que não lhe parecia bem ganhar tanto à custo dos outros ; resolveu pois voltar para a aldeia, retomar a profissão de ferreiro que já era uma tradição da família e montar um centro de aprendizagem para jovens com o Grupo Kisangani Smith de seu irmão. Ensina-lhes o ofício de ferreiro fabricando material para os agricultores da região.
Como os ferreiros são muito sensíveis à destruição da floresta e utilizam muito carvão feito com madeira, Reuben e o seu grupo lançaram um projeto de reflorestação em 1998, a fim de contribuírem para a produção de seu próprio carvão.
Já foram replantados 263 hectares de floresta até hoje ; certosmembros do grupo cultivam várias espécies de árvores num viveiro e mantêm um ribeiro, do qual desviaram o curso, em bom estado, para que o viveiro possa ser irrigado. O grupo não foi ajudado por nenhum perito nem engenheiro. Os seus membros baseiam-se na experiência e na observação.
O seu trabalho levou-os a trazer energia hidroelétrica até à sua forja artesanal, e também a três aldeias próximas. Partindo de uma pequena cachoeira, fizeram uma levada para alimentar uma turbina. Foi assim que, a partir duma forja destinada a formar alguns jovens, surgiu um projeto coletivo de desenvolvimento.
Reuben acha que todos os habitantes da aldeia deveriam investir-se no projeto para que todos, sem excepção, o pudessem utilizar. Esta dinâmica baseia-se num ponto de partida essencial : a capacidade de reunir as pessoas em torno de um projeto, e depois de se apoiar na sua criatividade técnica e no seu conhecimento do terreno. Para Reuben, “tudo é possível graças à solidariedade e à união”.

TIRADO DO LIVRO "ARTISANS OF PEACE OVERCOMING POVERTY"
(ARTESÃOS DE PAZ POR UM MUNDO SEM MISÉRIA), P. 95

Palavras-chave :